sábado, 28 de dezembro de 2013

Capitulo dezoito F***a-se o futuro


Demi on
Eu odeio você, não me deixe porque adoro quando você me beija estou em pedaços, você me completa...

Ok, hoje faltam dez dias pra o Joe se mudar pra Londres, eu meio que me afastei do Joe, pedi pra dormir sozinha ou dormia com a Selena eu fugia do Joe e sempre que ele chegava em casa eu já estava “dormindo”, e Joe não ajudava a me afastar dele sem me machucar.

Noite passada, Joe entrou no meu quarto sem fazer nenhum barulho e quase descobriu que eu estava fingindo, sorte à luz estar apagada. Joe sentou-se ao meu lado na cama, acariciou o meu rosto e segurou minha mão ficou do meu lado assim por um tempo enorme, eu já não estava aguentando mais fingir que estava dormindo, quando Joe me deu um beijo na testa e sussurrou um “eu te amo, pequena durma bem”.

Como eu podia conseguir terminar com ele? Como eu podia o fazer sofrer desse jeito? Como? Se ele me trata desse jeito! Mas, eu precisava fazer isso eu sei que vou sofrer, mas é o futuro dele!

Desde que ouvi a conversa do Paul com a minha mãe eu soube que precisava fazer isso, Joe teria mais oportunidades em Londres e talvez, pudesse ficar mais tempo por lá, e eu sabia que se ele tivesse algo o prendendo aqui, ele não iria ficar lá, até por que ele prometeu que voltaria, mas se ele não tivesse mais a pessoa pra quem ele fez a promessa por que ele voltaria? Por que diria não as boas oportunidades que iriam aparecer?

Eu estava sentada no sofá da sala, pensando nisso com o fone no ultimo volume, eu não era muito chegada nessas bandas que se tornam modinhas, mas, estava ouvindo One Direction Story of my life. Eu levei um susto quando Joe me puxou pro colo dele, eu não tinha visto ele chegar, eu ia brigar com ele por me assustar, mas estava sem força pra isso então apenas deixei minha cabeça cair pra trás, Joe tirou um dos meus fones.

_Tá tentando ficar surda?_ Ele perguntou e me deu um beijo no rosto eu ia sentir falta disso, por que eu não estava tentando ficar com raiva dele por interromper meu momento “to tentando te esquecer Jonas”?_ E ai não vai nunca mais falar comigo?

Pelo menos ele percebeu que eu to diferente eu só não sei se gostei de saber disso ou não.

_Demi?_ Joe se inclinou um pouco pra me olhar eu botei o fone no ouvid0 dele e comecei a musica de novo.

Written in these walls are the stories (Escritas nessas paredes estão às histórias)
That I can't explain (Que eu não consigo explicar)
I leave my heart open (Eu deixo meu coração aberto)
But it stays right here empty for days (Mas ele fica vazio por dias)

She told me in the morning (Ela me disse de manha)
She don't feel the same about us in her bones   (Que não sente mais a mesma coisa em relação a nós)
It seems to me that when I die (Me parece que quando eu morrer)
These words will be written on my stone (Essas palavras serão escritas na minha lápide)

And I'll be gone gone tonight (E eu irei embora, embora esta noite)
The ground beneath my feet is open wide (O chão debaixo dos meus pés está completamente aberto)
The way that I been holdin' on too tight (O modo como venho segurando muito firme)
With nothing in between (Mesmo sem ter nada para segurar)

The story of my life I take her home (A história da minha vida, eu a levo pra casa)
I drive all night to keep her warm and time (Eu dirijo a noite toda tentando mantê-la aquecida e o tempo)
Is frozen (the story of, the story of) (Está congelado (a história da, a história da)).
The story of my life I give her hope (A historia da minha vida eu dou a ela esperança)
I spend her love (Consumo seu amor)
Until she's broke inside (Até que ela esteja despedaçada por dentro)
The story of my life (the story of, the story of) (A história da minha vida)

Written on these walls (Escritas nessas paredes)
Are the colors that I can't change (Estão as cores que eu  não posso mudar)
Leave my heart open( Deixei meu coração aberto)
But it stays right here in its cage (Mas ele permanece aqui, em sua jaula)

I know that in the morning now (Eu sei que toda manha agora)
It seems like the light upon your head (Parece que a luz esta sobre sua cabeça)
Althought I'm broken (Embora eu esteja quebrado)
My heart's standing still (Meu coração permanece tranquilo)

And I'll be gone gone tonight (Eu irei embora, embora esta noite)
The fire beneath my feet is burning bright (O fogo sob meus pés esta queimando)
The way that I been holdin' on so tight (O jeito como venho segurando muito firme)
With nothing in between(Mesmo sem ter nada pra segurar)

The story of my life I take her home (A história da minha vida, eu a levo pra casa)
I drive all night to keep her warm and time (Eu dirijo a noite toda tentando mantê-la aquecida e o tempo)
Is frozen (the story of, the story of) (Está congelado (a história da, a história da)).
The story of my life I give her hope (A historia da minha vida eu dou esperança a ela)
I spend her love(consumo seu amor)
Until she's broke inside(Até que ela esteja despedaçada por dentro)
The story of my life (the story of, the story of)(A historia da minha vida)

And I been waiting for this time to come around(Eu estava esperando esse momento pra me aproximar)
But baby running after you (Mas querida, correr atrás de você)
Is like chasing the clouds (é como perseguir as nuvens)


The story of my life I take her home  (A história da minha vida, eu a levo pra casa)
I drive all night to keep her warm and time(Eu dirijo a noite toda tentando mantê-la aquecida e o tempo)
Is frozen (Esta congelada)

The story of my life (A historia da minha vida)
I give her hope (give her hope) (Eu dou esperança a ela)
I spend her love (Eu consumo seu amor)
Until she's broke inside (until she's broke inside) (Até que ela esteja quebrada por dentro)

The story of my life (A historia da minha vida)
The story of my life(A historia da minha vida)
The story of my life(A historia da minha vida)
The story of my life(A historia da minha vida)

Joe tirou o fone e me entregou, ele me colocou no sofá novamente, eu desliguei o celular e tirei o fone e não olhei pra ele.

_Sabe, eu adoro essa musica... Em fim tem outras musicas que eu gosto deles, mas essa e Little Things acredite são as que eu mais gosto, você tem alguma musica deles que...

_Isso deveria me dizer alguma coisa?_ ele me interrompeu_ Algo como o motivo de você estar me evitando e sem falar comigo direito?

Eu continuei sem olhar pra ele, eu deveria ter mais coragem de fazer o que eu tinha que fazer, era o melhor pra ele eu sabia que era.

Joe passou a mão pelo meu rosto e o ergueu me fazendo olhar pra ele.

_Fala comigo Dem, e sem mentir, por favor, pequena.

_Não é nada Joe, é só uma musica... E eu não estou evitando você!

_Demi eu não sou idiota e nem cego eu sei que você esta me evitando, por favor, toda a noite você ta dormindo antes da nove da noite? Sair quando eu chego? Mal falar comigo? Esta sempre começando uma briga? Qual é Demi? Acha realmente que sou tão burro a esse ponto, pra não perceber?

_ Não você não é burro e eu não acho isso de você, você com certeza não é burro, Joe não é isso... E me desculpa por começar brigas eu não percebi que estava tão chata esses últimos dias!

_Ah eu percebi!_ Minha mãe gritou das escadas enquanto subia pra seu quarto com roupas limpas na mão_ Não é verdade Joe?

_É sim, tia_ Joe disse e eu revirei os olhos abaixando a cabeça_ Obrigada tia por concordar comigo!

_Pode deixar querido!_ Ela disse

_Mãe!_ eu gritei abaixando a cabeça olhando pra ele_ Pode nos deixar sozinhos um pouco, por favor?!

_Ta tá Demetria!
Minha mãe saiu e Joseph me olhou sério, e ia começar eu só esperava que essa futura discussão leve ao final da parte dele, meu Deus isso iria me magoar tanto. Seria a pior das decepções que eu já sofri e olha que eu já tive muitas decepções.

_Demi, não é questão de você estar chata a questão é que você esta fingindo ser alguém que não é pra tentar me irritar e isso não é legal, eu não to gostando disso!_ Ele disse me olhando nos olhos e eu não pude escapar deles_ E eu quero saber o porquê de você estar fazendo isso?

_Não to fazendo nada... Quero dizer da onde tirou isso?

_Demi, por favor, não aja como se não soubesse do que eu estou falando_ Joe se levantou sem me olhar direito_ Para de agir como se eu estivesse errado ou vendo coisas onde não tem e, por favor, me fala de uma vez o que você esta escondendo!

_O que você acha que eu estou escondendo?

_Que quer terminar comigo e não sabe como._ Ele foi bem direto me olhando nos olhos_ E eu acertei, não é mesmo?

Eu não disse nada, só fiquei ali parada olhando pra ele era isso o que eu queria acontecesse então por que eu estava sentindo meus olhos se encherem de lagrimas? O meu coração não estava nem um pouco feliz com isso, apesar de eu ter colocado isso na minha cabeça meu coração não aceitava tão bem, quanto eu esperava. E só precisava concordar com que ele estava dizendo, até por que ele estava certo, não estava?

_É você esta certo... Só que eu...

_Eu pelo menos posso saber o que eu fiz de errado?

_Você não fez nada de errado, não... Não é isso Joe!

_Então o que é?

_É que você vai para Londres e Joe, por favor!

_Por favor, o que Demi? Eu achei que já tivéssemos conversado sobre isso!

Ele estava começando a ficar irritado e isso era visível, ele estava andando de um lado pro outro eu segurei a mão dele e o fiz ficar parado na minha frente.

_Me responde com sinceridade, por favor, se você recebesse uma proposta de ficar lá por mais seis meses você aceitaria?

_Não _ ele respondeu sem hesitar

_Por que não?

_Por que eu prometi que voltaria dentro de seis meses, prometi pra você!
_Mas e o seu futuro?

_O que quê tem?

_Pode ser a chave pro seu futuro é uma das maiores multinacionais de todo o mundo, e você vai jogar tudo pro alto por minha causa?

_Não Demi, por nossa causa! E eu não quero nenhum futuro que não tenha você nele.


_Mas, Joe!_ Eu quase gritei será que ele não via que ia jogar tudo fora por minha causa e eu nunca iria me perdoar se isso acontecesse_ Eu não quero que você arruíne seu futuro por minha causa!

Eu virei às costas e olhei pela janela aquele balanço, que nós fizemos tantas brincadeiras legais, as conversas de madrugada, as risadas, e até as brigas, eu ri aquelas brigas eram tão idiotas, tão bobas e tão sem sentido. Agora parecia só uma perca de tempo. Daqui dez dias Joe iria pra Londres por seis meses e talvez, se fosse pra ser se estivesse no seu destino ele poderia ficar lá por até dois anos ou mais.

Eu cruzei os braços, e respirei fundo. Joe parou do meu lado e não disse nada apenas ficou observando o balanço como se estivesse pensando no mesmo que eu.

_Então é isso... Você esta terminando comigo? Não estamos mais juntos por que você esta com medo de eu não voltar ou não viver a vida que você acha que eu tenho que ter... Só que a vida que eu vou ter no futuro é uma escolha minha, não sua Demi.

Ele saiu dali e eu apenas fiquei observando pela janela, deixei algumas lágrimas caírem, mas em seguida as limpei e as palavras do Joe ecoaram na minha cabeça “é uma escolha minha, não sua” “você esta com medo de eu não voltar ou não viver a vida que você acha que eu tenho que ter” “Não estamos mais juntos” “é uma escolha minha, não sua”. Droga, eu pensei em questão de segundos eu estava parada na frente do quarto do Joe.

Então agora você vê por que estou assustada eu não posso abrir meu coração sem cuidado, mas aqui vou eu é o que eu sinto e pela primeira vez na minha vida eu sei que é real seu amor, mas, por favor, não me segure se isso é amor, por favor, não me machuque...... Estou caindo em seu amor

Eu entrei no quarto dele sem bater e antes que ele pudesse fazer alguma coisa, além de me olhar assustado, eu pulei nos braços dele e o beijei desesperada, como se minha vida dependesse desse beijo.

Joe correspondeu meu beijo me abraçando e acariciando meu rosto, eu estava chorando, mas eu não ia parar de beija-lo de jeito nenhum.

_Não precisa chorar Demi..._ Joe começou a falar, mas eu não o deixei continuar o calei com outro beijo. Então Joe me abraçou ainda mais forte me pegando no colo, prendi minhas pernas em sua cintura, o abraçando pelo pescoço. Mas fui obrigada a me separar dele por que fiquei sem ar.

_Joe, eu não quero terminar com você... Eu achei que seria o melhor pra você se nos separarmos, mas eu esqueci que você é um idiota e toma decisões erradas_ nós rimos_ Mas, você tem razão essa é uma decisão sua não minha...  Menos é claro que você queira terminar comigo, por eu ter agido como uma idiota nos últimos dias, e pelo que eu falei na sala... Quer terminar?

_Dem, olha como você esta agora_ eu realmente olhei e ele revirou os olhos e me beijou_ É claro que eu não quero terminar com você!

_Bom, eu disse que você toma decisões erradas_ eu ri o beijando_ Por que essa foi sua ultima chance, e não tem volta agora!

_E quem disse que eu quero voltar?

Ele me beijou novamente e eu amei aquele beijo, graças a Deus Joe não ficou bravo comigo, eu teria xingado ele se estivesse no seu lugar...

_Não pense que se safou fácil assim Demetria_ ele disse mordendo meu pescoço e deixando um belo de um chupão ali_ Você é muito complicada Demetria!

_Me desculpa, me desculpa, me desculpa, me desculpa, me desculpa, me desculpa, me desculpa, me desculpa!_ Eu finalmente parei de falar pra poder beijá-lo _E olha eu também fiquei mal... Me desculpa!

_Você ficou dias me fazendo dormir sozinho, mal falou comigo, não me beijou direito, não me fez carinho, eu não vi você sorrindo e você privar o mundo desse sorriso é quase um pecado, e eu não ouvi aquela risada maravilhosa, portanto eu estou muito chateado com você.

Joe me colocou no chão e eu meio que me senti fraca, e fiz o que qualquer criança faria: o abracei e escondi minha cabeça em seu peito.

_Também senti falta de dormir com você, foi um inferno dormir sozinha... Fiquei rolando de um lado pro outro até conseguir dormir... Eu senti sua falta na minha cama... Vamos dormir?

_Demi, qual a parte de eu estou chateado com você que você não conseguiu entender?

Ele perguntou sem me soltar_ Ok, você pode me punir quando acordarmos, hoje é sábado e você vai ter o dia todo pra me punir!

_Na verdade, nós vamos viajar, esqueceu Demi?

_Vamos? Droga vamos!_ eu reclamei me afastando olhando pra ele_ Nós temos o noivado do Kevin naquela pousada, mas o almoço é só amanhã.

_Mas, Kevin vai ficar puto se não formos com eles hoje!

_Ah ótimo, mas uma noite dormindo sozinha!_ Eu reclamei fazendo biquinho e abaixando a cabeça, Joe riu e me beijou só o senti segurar minha cintura e quando eu percebi nós estávamos na cama, e eu deitada sobre o Joe, mas isso não demorou a mudar_ Por que você sempre fica em cima de mim?

Joe me olhou_ Só você pra fazer esse seu comentário parecer fofo e inocente!

_E o que quê isso tem de não inocente? Eu só fiz uma pergunta, Joseph!

Joe riu e ia me responder, mas alguém bateu na porta do quarto dele o que queria dizer que não era Selena, por que ela não bate em nenhuma porta dessa casa, confiada!

_Entra _Joe disse se ajeitando me fazendo sentar em seu colo, minha mãe entrou e nós sorrimos pra ela._ Fala tia Di.

_Eu queria ver se a Demi estava aqui... Ela não esta mais chata Joe?

Joe gargalhou e eu olhei pra minha mãe que ria tanto quanto ele mostrei a língua pros dois, mas no fim acabei rindo também.

_Em fim, mais ou menos Di..._ eu dei um tapa nele, o menino estava me beijando até agora e eu estou mais ou menos chata?_ Viu o que eu disse?

Diana riu_ Ok, vamos sair daqui uma hora às coisas de vocês estão prontas?

_Sim_ respondemos juntos

_Selena não quer ir no mesmo carro que o Nick_ minha mãe revirou os olhos_ Então ela pode ir com vocês, a Dani já vai estar lá e o Kevin vai conosco.

_O Joe vai com o carro dele e dirige!_ Eu disse_ E a Miley vai junto com a gente, se você não se importar, amor.

_Tudo bem, se a My for a Sel incomoda ela e esquece da gente por um tempo!

_Ok_ minha mãe disse _ Uma hora... Então parem de se agarrar e se arrumem... Ah Joe se você for engravidar minha filha eu acho melhor você esperar pra quando você puder estar aqui, certo?

_Certo... Se ela já é manhosa desse jeito imagina gravida?

_Calado Joseph!_ Eu disse rindo e fiz minha melhor carinha de bebe e falei fazendo manha_ Eu não sou manhosa!

_Ah não_ minha mãe disse_ Imagina, cuide da minha filha Jonas!
Eu vou cuidar dessa manhosa pode deixar tia Di_ Joe disse me dando um beijo no rosto e minha mãe saiu do quarto_ Vai se arrumar pra nós irmos Demi.

_Atah seu chato!

_Boba.

_Idiota.

_Bebe.

_Lindo.

_Linda.

_Te amo!

_Também te amo!

E com isso ele me beijou rindo... Bobo, meu bobo... E quer saber? Foda-se o futuro, se não for pra sempre pelo menos eu vou fazer cada segundo do presente durar pra sempre e o resto é resto... O futuro pode esperar mais um pouquinho por que eu estou fazendo presente valer uma vida

Mais um capitulo amorecos nao sei se pra tentar me redimir pelo meu chá de sumiço ou por ansiedade pra nova Fic, mas bem é isso ai pessoa! E eu acredito que por hoje é só pessoal ou não! kkkkkkkkkkkkkkk Quem sabe amorecos?! Nem eu se! Af odeio a Lorde, mas adoro Royals e não consigo tirar da cabeça desde ontem jesus!

Ah já ia me esquecendo no meio do capitulo tem uma citação é de uma das minhas canções favoritas de Here We Go Again Catch Me e sim eu estou obcecada por Story of my Life não consigo tirar da minha playlist e nem do repeat... Vejam o clipe da ,Miley Cyrus Adore You eu achei que seria mais polemico, mas ficou tão fofo eu adorei e...
Joe puta homem SEXY muito sexy, sexy demais, puta que pariu muito SEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEXY

Capitulo 16 Menina! Capitulo 17 Who say’s? ( Love Storie)



Capitulo 16 Menina!

Demi on
Surgido no meio do nada, me mostrou que eu estou perdidamente apaixonada...

_Ah incrível!_ Eu disse me sentando ao lado da minha mãe_ Eu falei que seria uma menina!_ eu mandei um beijo pro Paul que queria outro menino.

_Ok, Demetria você tinha razão era uma menina você ganhou! _Paul disse sorrindo.
_Qual vai ser o nome tia Di?_ Selena perguntou

_Pensamos em Madison... O que acham?_ Ela sorriu cumplice pro Paul e depois pra nós

_Adorei!_ Selena e eu falamos juntas

_Ok, vocês se deram conta de que a mãe esta gravida e isso é um bebe_ Frank disse olhando pra eles sério_ Eu não vou cuidar de bebe nenhum!

_Qual o problema?_ Kevin perguntou_ Eu, Joe e Nick cuidamos de você.

_E você era um bebe muito chato!_ Nick concordou_ E falando em chato cadê o Joe?

Nick, perguntou e eu senti os olhares todos em mim, eu ergui a cabeça e dei de ombros, eu não sabia onde ele estava ele já deveria ter chegado.

_Como eu vou saber gente?_ Eu disse bebendo um pouco do meu suco_ Ele é meu namorado, não meu cachorrinho de estimação... E eu não coloquei um GPS nele!

Eu ri e a Selena me olhou_ Mas, deveria sabe... Faz bem, pra quando ele perder.

_Ai meu Deus Selena, você é maluca!_ Eu disse_ E Frank você vai sim ajudar a cuidar da Madie, até eu cuidei de você, e a Madie ela é sua irmãzinha!

_Já tenho uma irmã e é você!_ Frank disse ele não estava nem, um pouco animado com a irmãzinha_

_Ai que adolescente rebelde você é!_ Selena disse e todos rimos_ Qual o problema Frank?

_Nenhum, eu só não sei o que vai acontecer... Da ultima vez que um bebe nasceu minha mãe morreu.

Todos ficaram em silencio, esse era um assunto delicado e ninguém falava muito disso, nem mesmo os Jonas... O Paul ficara em silencio olhando pra minha mãe era obvio que ele ficou com medo de que o fato se repetisse.

_Bem, Frank_ eu comecei_ Eu não sei como é perder a mãe, mas eu sei que estamos todos juntos como sempre estivemos e _ Eu olhei pro Paul_ Você não precisa ficar com medo isso não vai acontecer de novo... E se acontecer... Vamos estar juntos, gatinho.

_Exatamente como fizemos antes,_ Nick disse_ eu sei que sente falta da mamãe também sentimos, mas não precisa ficar desse jeito por causa da Madie...

Joe entrou em casa, mas não parou simplesmente subiu as escadas sem dizer nada ouvimos uma porta bater eu me encolhi um pouco assustada, eu olhei pra minha mãe e ela fez que sim com a cabeça, eu suspirei e dei de ombros. Me levantei e subi as escadas, encarei a porta fechada do quarto do Joe.

Bati na porta, mas ele não respondeu estava tudo muito silencioso que eu poderia pensar que não havia ninguém lá dentro.

_Joe?_ eu chamei batendo novamente na porta_ Eu posso entrar amor? Joe? _ eu suspirei_ Eu vou entrar... Ou vou pro meu quarto se quiser falar... Sabe onde fica o meu quarto né?!

A porta do quarto dele se abriu e ele me puxou para dentro me abraçando forte, tudo o que eu tive tempo de fazer foi me agarrar a ele, e fechar a porta com o pé, Joe e seus impulsos se eu não estivesse acostumada teria me assustado, quando ele me beijou como se o  mundo dependesse disso.

Passei a mão pelo o rosto do Joe e o afastei devagar ainda segurando sua camisa bem perto de mim sorri pra ele.

_O que houve meu amor?

_Um erro! Mas, não foi culpa minha... Aconteceu, eu nem tive tempo de pensar quando eu vi já era... Demi por favor, eu preciso que você confie em mim, preciso que me perdoe e que não me odeie agora...  E eu to com medo de você...

_Calma Joseph eu não to entendo nada! Que erro é esse? O que você fez?

_Eu não fiz nada... Foi a Nicole...

_Nicole não presta então seja lá o que for a gente resolve...

_Ela me beijou_ eu olhei pra ele e me afastei dele dei alguns passos pra trás e encostei na porta_ eu sabia que você ia ficar desse jeito, mas Demi eu posso explicar...

_Explicar? Explicar? Você beijou outra garota e acha que pode me explicar isso?!

_Você escutou o que eu disse eu não tive tempo de fugir dela...

_Você não teve tempo de fugir dela?_ Eu disse indo pro outro lado do quarto_ você desse tamanho não conseguiu se defender daquela garota... Justo a Nicole Joe!

_A gente estava conversando e no segundo seguinte ela estava me beijando, Demi eu juro que foi isso!

_Ah é?_ Ele balançou a cabeça positivamente_ Pro inferno Joseph!

Eu sai da frente do Joe, indo pra porta, mas ele me pegou eu me soltei dele e abri a porta saindo do quarto Joe me pegou e me puxou de novo, me fazendo entrar e me sentar na cama e trancou a porta.

_Joseph me deixa sair daqui, eu não quero saber mais disso e nem de você!

_Demi, por favor, me escuta_  Joe se ajoelhou na minha frente e pegou minha mão, eu tentei soltá-lo , mas ele segurou_ Não faz isso, eu não quis beijá-la, ela me beijou e é diferente disso_ Ele simplesmente me beijou, eu relutei no começo, mas por favor ele beija tão bem, eu não consegui ficar com nojo, mas o afastei e limpei uma lagrima dos meus olhos_ Você sabe como é, tudo é diferente com você!

Ele repetiu minha frase de ontem me fazendo rir um pouco, meu Deus eu amo ele, mas poxa justo a Nicole?!

_Demi, por favor, me diz alguma coisa, qualquer coisa...

_Por que você esta me contando isso? Por que não deixou calado?

_Por que eu não queria que alguém viesse até você e dissesse coisas que não existiram, e eu preciso que confie em mim... Demi eu vou pra Londres daqui 29 dias, eu preciso que você confie em mim.

Quando ele falou que ia pra Londres foi como se ele tivesse me dado um soco no estomago. Eu estava apaixonada por ele e se ele me disse que tinha beijado Nicole é por que ele realmente se importa... 29 dias eu não podia perder tempo com algo insignificante como a Nicole e o beijo roubado sem importância para o Joe.

_Joe?_ ele ergueu a cabeça e me olhou_ O beijo não significou nada, significou?

_Não Demi, é claro que não o único beijo que tem significado pra mim é o seu_ ele acariciou o meu rosto_ você acredita em mim, não acredita?

Eu sorri pra ele e puxei seu cabelo o puxando pra mim_ Fique longe da Nicole!_ Eu o beijei_ E de todas aquelas inglesas metidas que vão tentar fazer você me esquecer...

_Eu não vou me esquecer de você, nunca... E eu fico longe da Nicole é a Nicole que vem ficar perto de mim.

_Que seja_ eu o beijei de novo_ Foi por isso que chegou tão revoltado?

_Sim, eu estava com medo de você não me perdoar, você me perdoou não é mesmo?

_Eu te perdoei, bobo_ eu o beijei de novo o puxando pela camiseta, ele me abraçou pela cintura me erguendo um pouco me levando mais pra cima da cama se deitando sobre mim_ Meu Deus!_ eu ri tentando buscar ar enquanto ele me beijava sem me dar tempo pra respirar_ Isso quer dizer que você ficou com medo de me perder?

_Muito, eu fiquei com muito medo de te perder_ Joe voltou a me beijar, erguendo minha blusa_ Você não tem noção do quanto eu odiei a Nicole no momento em que eu percebi o que ela tinha feito!

_Seu ódio nunca vais ser maior do que o meu, mas vamos parar de falar nessa vadia louca_ eu disse puxando sua camiseta_ Meu Deus o que você fez comigo?_ eu perguntei dando uma risada quando ele deu um chupão no meu pescoço depois de falar umas besteirinhas no meu ouvido_ Eu to tarada demais e a culpa é toda sua Joseph!

Eu estava deitada no peito do Joe, ele fazia carinho nas minhas costas com as pontas dos dedos, e era o paraíso estar em seus braços daquela forma.

Eu comecei a rir e Joe se curvou um pouco pra me olhar_ Eu to com fome, deixei meu prato pela metade_ eu ri, com o barulho do meu estomago_ Ouviu?

_Ouvi!_ ele riu _ Também estou com fome, não comi nada desde as seis horas!

_Ai tadinho dele_ eu beijei seus lábios rapidamente e me levantei enrolada no lençol_ vem _ eu segurei sua mão o puxando da cama_ Vamos comer alguma coisa antes que nos obriguem a assaltar a geladeira de madrugada.

_Claro com certeza... Você não terminou de comer?_ Ele me olhou e eu neguei com a cabeça_ Que linda você!

_Eu sei, obrigada_ Eu me deitei de novo em seus braços_ Ai que sono... Ai que fome!

_Eu vou lá buscar alguma coisa pra nós comer_ Joe me deu um selinho fazendo carinho no meu braço_ Quer dormir aqui ou ir pro seu quarto?

_Na verdade, eu durmo aqui gosto da sua cama_ Eu disse batendo no colchão_ Mas, eu quero ir comer lá na cozinha com você, também tenho que conversar com Frank.

_Com Frank, por quê?

_Ele ta com medo... De a mamãe morrer  como a... Como a Denise... Eu não... Não sei... Ai!_ Eu disse me sentando em seu colo_ Ele se sente culpado... Acho.

_Aconteceu, ele não tem culpa de nada_ Joe suspirou pensando em alguma coisa_ Deixa que eu falo com Frank.

_Tem certeza?

_Tenho Dem não se preocupe, eu sei me virar com o pestinha... E você deveria comer esse barulho do seu estomago esta me deixando bem irritado.

_Ai por que esta irritado com isso? Eu to comendo direitinho como prometi pode perguntar... Eu só sai porque estava preocupada com você, mal agradecido.

_Não sou mal agradecido, só estou cuidando da minha pequena e eu quero que você esteja sempre saudável pra mim.

_Ah pra você?_ eu ri passando a mão em seu peito, me enrolando em seguida no lençol me levantando_ Tudo bem, eu acho justo.

Peguei minhas roupas do chão e fui ao banheiro, enquanto me vestia pensei em tanta coisa que minha cabeça girou aquilo era muito estranho, eram tantos sentimentos e eu nem pensei que podia senti-los, não pelo Jonas.

Eu me olhei no espelho, aquilo parecia quase demais pra ser verdade, eu não podia acreditar que eu fiz sexo com o Joe logo após ele me dizer que tinha beijado outra, por mais que não tenha sido culpa dele, onde foi parar meu orgulho?

É claro que isso tinha sumido no momento em que deixei que Joe me trancasse no quarto. Seis meses... Não era muito tempo, mas ainda sim era um tempo. A gravidez da mamãe, Frank com medo e pra piorar Nicole se metendo na minha vida. E por que Joe tem que ser tão sincero comigo? Por que ele simplesmente não mentiu como todos os outros caras fazem? Como o Zack fez?

_Demi?_ Joe bateu na porta e eu levei um susto_ Demi esta tudo bem?

_ Ah... Sim_ Abri a porta e sai do banheiro_ Eu me distrai.

_No banheiro? Com o que? _ Joe me olhou desconfiado_ Já sei finalmente viu o quanto seu corpo é bonito e ficou se admirando?

_Não, mas essa ideia é boa_ eu lhe dei um selinho e sai do quarto o puxando junto_ Eu só fiquei pensando... Em algumas coisas.

_Hum... Que coisas?

_O nome da nossa irmãzinha é Madison... Eu achei bonitinho.

_Me lembra a Madison Square Garden!

_Nada a ver Joe..._ eu pensei um pouco_ Tudo bem tem um pouco.

_Ah o casal, decidiu nos dar o ar da graça_ Kevin disse_ Vocês passam muito tempo trancados, papai não deixava quando era comigo.

_O problema é seu... Oi tia Di_ Ele lhe deu um beijo nos rosto quando chegamos na sala_ Boa noite pai.

_Boa noite Joe_ Patrick disse sorrindo apertando a mão do Joe_ E ai, não vai comer garoto?

_Na verdade agente desceu pra comer_ Eu disse olhando pra cozinha_ Quem ta ai? Ai diz que é a minha Smile.

_Eu acho que não_ Frank disse_ Joe, talvez você devesse levar a Demi la pra cima.

_Por quê?_ Perguntamos juntos, eu larguei a mão do Joe e fui até a cozinha.

O que ela esta fazendo aqui? Eu olhei pra Nicole e sorri eu não ia criar uma briga com a Nicole por algo que não fazia sentido, por que eu não importava com isso de jeito nenhum. Eu estava apaixonada pelo Joe e confiava nele e ponto final.

_Oi Nicole_ eu disse indo em direção à geladeira, ela estava sentada de frente pra Selena e Nick que pareciam querer estar em outro lugar_ O Sel acabou a torta salgada?

_Não amor, ta na prateleira de baixo.

_Ah achei _ eu disse pegando o pote_ Valeu vaquinha._ eu coloquei no micro-ondas e peguei dois pratos e abri uma coca_ Sel tem sobremesa ainda?

_Tem flor... Ta na prateleira de cima em baixo da alface_ ela riu se levantando e pegando pra mim_ Divirta-se!_ ela riu

_é claro_ eu disse pegando um pedaço de queijo, Joe estava escorado no batente da porta eu sorri pra ele_ Vem comer amor. Ta pronto quer que eu esquente o macarrão pra você?

_Não pequena, a torta já esta bom obrigado... E eu também quero queijo ratinha.

_Ha, eu sou uma ratinha muito linda... E bondosa por isso eu te dou o meu queijo.

_Ah o amor é tão lindo!_ Nicole disse rindo_ Eu acho tão fofinho vocês dois!

_Ah obrigada_ Eu disse me sentando entregando um prato ao Joe que estava ao meu lado_ Amor, você vai falar com o Frank?

_Sim, mas eu vou deixar pra amanha... Nick tem alguma ideia do que esta acontecendo com ele?

_No fim eu acho que deve ser só medo, mas a Demi falou com ele no jantar e eu acho que ele ficou pensando... Você é incrível, Dem.

_Obrigada Jerry. Joe amanha eu acho que vou lá na faculdade, ver os horários...

_Ah Joe você contou a sua namorada do nosso encontro hoje?

_Ah cala a boca Nicole!_ Joe disse bebendo um gole de Coca-Cola despreocupado_ O que você esta fazendo aqui mesmo?

_Nada... Visitando a família sabe como é?_ ela riu mandando um beijinho pra ele_ Saudades dos primos lindos que eu tenho... Principalmente de você Joe... Aquilo hoje a tarde não foi nada comparado ao passado... Devemos praticar isso mais vezes...

_Sel, a Miley vai vir aqui amanha a noite e vamos pra festinha dela_ eu disse rindo piscando pra ela, ela bateu as mãos em comemoração_ U.u eu estou tão animada!

_Que festinha?_ Nick e Joe perguntaram ao mesmo tempo.

_Noite das garotas_ Falamos juntas._ Mas talvez seja a melhor nós irmos pra casa dela.

_É eu também acho... Não sei por que a Miley quer que seja aqui.

_Ela esqueceu que nossos namorados moram aqui_ Eu disse rindo pra ela_ Selena vamos subir... Eu quero tomar banho e conversar com você.

_Que festinha na casa da Miley?_ Joe perguntou

_Vão tomar banho juntas?_ Nick perguntou serio, mas ria um pouco.

_Demi o seu namorado e eu nos beijamos hoje, sabia?

_Que bom pra você_ eu disse dando de ombros_ Eu fiz amor com ele hoje... Mais alguma coisa, vadia desocupada?

Joe caiu na gargalhada e Nick se afogou Selena tapou o rosto com a mão rindo, eu dei de ombros e sorri meiga pra ela.

_Ok_ Minha mãe disse_ O taxi chegou Nicky, e eu acho melhor você ir.

_Tudo bem, madrinha_ Nicole sorriu pra ela se levantando_ Parabéns pela menina a Madison vai ser uma filha melhor que a Demi... O que você viu nela Joseph?

_Tudo que eu não vi em você, boa noite Nicole.

_Tchau_ eu e Sel dissemos juntas antes de subirmos pro meu quarto.- Ela beijou o Joe?

_Beijou_ eu disse fazendo careta enquanto me despia e entrava no box_ Joe me contou.

_Ele te contou?_ ela quase gritou_ Sério?

_Aham... Ele disse que quer que eu confie nele por causa do lance de Londres.

_Nossa a coisa ta séria mesmo entre vocês... Nunca vi o Joe fazendo isso.

_Não que ele já tenho traído uma namorada... Mas eu não quero ser a primeira, mas não é sobre isso que eu quero falar.

_E quer falar sobre o que?

_Eu tive uma ideia... Que envolve a todas nós_ Eu sorri colocando a cabeça pra fora do box_ E você vai gostar Selly.

_Pela sua carinha... Eu já to amando!_ Ela disse rindo.

Capitulo 17 Who say’s? 

Por que nós somos a mesma somos qualquer coisa, menos garotas comuns, somos a mesma acho que somos quase lendárias
Você e eu a equipe perfeita perseguindo o sonho Somos a mesma...


_Ah o nosso horário é perfeito Selena_ eu gritei me jogando no sofá_ SELEEEEEENA... Vaquinha do meu coração... SELEEEEEEEEENA!

_Ai meu Deus Demetria, o goela santa, por favor!_ Selena disse se sentando do meu lado no sofá com um pote enorme de sorvete e duas colheres_ Quer? _ ela me estendeu uma colher_ Eu trouxe pra você.

_Own que fofa minha maninha_ dei um beijo no rosto dela_ Da uma olhada_ eu entreguei a folha do horário a ela_ Estamos em quase todas as aulas juntas!

                                                                *_*

_Que bom amiga!_ Ela me abraçou _ Estava com medo de separar a gente... E a Miley?

_Ela não vai fazer o mesmo curso que nós, mas temos duas matérias iguais o que da um total de _ eu fiz as contas mentalmente_ Seis aulas juntas por semanas... U.u ninguém separa as meninas superpoderosas!

Selena deu uma gargalhada_ Ai meu Deus Demi, Meninas Superpoderosas? Da onde tirou isso?

_Simples, olha eu sou loira, você é morena e a My é ruiva... Viu?

_Você assisti muito Cartoon Network!_ Ela riu comendo uma colher enorme de sorvete_ Você tem que parar de assistir desenho!

_Não eu amo Bob Esponja, eu me casaria com ele...

_ E o Joe?

_Aquele puto, nem vi ele na faculdade, mas vi a Dani... Ah Joe seria meu amante!_ eu disse comendo uma colher de sorvete, tirando meu all star e colocando os pés pra cima do sofá_ Que filme estamos vendo?

_Como perder um homem em dez dias_ Selena me respondeu sorrindo_ Ta no comecinho ainda, sortuda!

_Aham...

Ficamos sentadas assistindo ao filme e conversando sobre tudo, Selena colocou a cabeça no meu colo eu botei uma almofada embaixo da sua cabeça e fiquei acariciando seus cabelos, ela estava contando sobre uma discussão que ela teve no começo da semana com o Nick, e que eles ficaram meios estranhos depois disso. Eu percebi, mas resolvi não falar nada sobre isso, mas eles são tão fortes, o amor deles é como uma canção e os dois sabem cantar muito bem, claro às vezes desafinam saem do tom, mas cantam juntos. E eu acredito em Nelena. (Nick +Selena) Eu acho engraçado esse nome.

_Oi meninas!_ Minha mãe disse assim que entrou em casa_ Sel ta dormindo no seu colo?_ ela sorriu me dando um beijo no rosto e acariciando os cabelos dela_ Eu vou tomar um banho e vou ao médico, ta bem monstrinha?

_Ta certo mãe... Mas não é nada sério?

_Não é consulta de rotina e o Paul vai me encontrar lá, sabe quem chegou também?

_Não._ eu revirei os olhos_ Quem?

_Frank não estava em casa?

_Não... Ele tinha saído, foi ele quem chegou?_ Minha mãe balançou a cabeça e subiu as escadas_ Minha mãe é maluquinha.

Eu disse rindo e ainda fazendo carinho nos cabelos da Sel, Frank ameaçou bater na Selena eu olhei pra ele com meu olhar mortal e ele sorriu me dando um beijo no rosto, eu sorri colocando no canal de clipes e fiquei feliz em ver que estava passando o clipe da Katy Perry, eu gosto de Roar.
 Um buque de rosas vermelhas parou na minha frente, eu sorri e peguei o buque eu ergui a cabeça virando pra trás, como ele sabe que rosas são minhas flores favoritas?

_Own, obrigada amor é lindo!_ eu disse toda boba com as flores e tomando cuidado pra não bater na Selena, enquanto dormia_ Eu amei Joseph, ai é tão lindo... É a primeira vez que eu ganho flores, na minha vida!

_Ai como eu gosto de ser o primeiro em tudo na sua vida_ ele me deu um selinho_ eu to com uma inveja da Sel agora, eu queria estar deitado no seu colo, pequena!

_Ai meu bebe, ta carente é?_ eu disse lhe dando outro selinho ele fez que sim com a cabeça_ Não faz assim bebe vão achar que eu não cuido direito de você!

_E você vai me abandonar hoje_ ele disse manhoso_ Então você não esta cuidando direito de mim!

_Ai meu Deus Joseph que carência é essa? Eu volto amanha... E se você quiser mais tarde a gente pode passear o que acha bebe?

_Ta bom, mas se a Selena demorar muito pra acordar eu acordo ela!_ ele olhou com uma cara de quem ia aprontar, e me deu outro selinho_ Gostei de você me chamando de bebe, pequena.

_É que você esta muito carente hoje, parece um bebe... Meu bebe!_ Eu lhe dei um outro selinho e então o beijei de verdade_ Ai, não me morde cachorro!

Ele riu_ Você é boa pra morder!

_Ai eu quero dormir!_ Selena resmungou_ Demi manda o seu namorado ir pro inferno e volta a me fazer carinho... Joe eu te odeio!

_Boa tarde pra você também Selena, e eu te amo... Mas eu já vou subir, vocês não tem uma festa na casa da Miley às dez horas?

Selena se levantou e eu tomei cuidado pra Selena não bater nas minhas rosas e levantei fazendo gracinha, Selena ainda nem tinha percebido ela estava meio dormindo ainda, não prestava muita atenção, mas quando prestou deu um gritinho e pulou batendo palma.

_Ai meu Deus, que lindo Demi!_ Ela sorriu na minha frente_ Ai o Joe é muito perfeito, ai que lindas eu quero uma rosa, amorzinho.

_Ta pode pegar uma vaquinha, mas só uma!_ eu sorri dando uma a ela indo a cozinha procurei um vaso e coloquei ali_ São lindas não são?

_São sim, já agradeceu a ele?_ Selena ergueu uma sobrancelha e sorriu de maneira não muito doce eu sorri mordendo o lábio _ Sobe, vadia!

_Hei vadia não olha o respeito_ Eu sorri pra ela_ eu vou subir Joe ta carente hoje e nós vamos pra casa da Miley daqui a pouco, beijo, beijo vaquinha!

Eu subi as escadas e entrei no quarto do Joe me jogando na cama.

_Amor?_ eu chamei ele estava tomando banho e não me ouviu, eu peguei o celular dele que estava na mesinha da cabeceira e tirei uma foto minha, sorri mandando beijo pra ele na foto... 
...E fui ver as suas musicas peguei seu fone e liguei em musica do Justin Timberlake, eu não vi o nome, mas eu deitei com a cabeça no travesseiro dele de olhos fechados eu amava aquela musica.


Abri meus olhos quando ganhei um beijo na testa sorri pra ele e tirei o fone pra falar com ele.

_Você tem um bom gosto pra musica Joe. _ Eu disse me sentando _ Ainda quer deitar no meu colo?

_Em primeiro lugar é claro que as minhas musicas são boas e em segundo é claro que eu quero deitar no seu colo.

_Ai você é muito convencido, Jonas!_ Eu mostrei a língua e puxei ele pra se deitar no meio das minhas pernas, eu fiz carinho nos seus cabelos, estavam molhados e seu cabelo era tão macio_ Eu amo o cheiro do seu perfume.

_Eu sei... Eu uso só porque você gosta_ Ele riu _ Lembra, que você dizia que odiava o meu perfume? _Nós rimos juntos_ Eu usava só pra te irritar, mas eu sabia que você gostava.

_É eu sempre achei bom... É que o seu perfume não é comum e tem essa mistura de você...

_Mistura de mim?_ ele ergueu a cabeça me olhando_ Como assim?

_Sei lá _ eu ri da minha falta de palavras_ O seu cheiro é único... Tem loção pós-barba, sabonete masculino, shampoo... E o seu cheiro mesmo, viu é perfeito... É você e eu amo!

_Eu também te amo Dem!_ Ele se virou e me beijou_ E eu amo o seu perfume_ ele beijou o meu pescoço_ Gosto do seu cheiro mesmo quando esta misturado com cheiro de mato!_ eu gargalhei alto e Joe me acompanhou rindo também _ Meu Deus como eu amo a sua risada!

_Eu acho esquisita, mas agora eu não consigo parar_ Eu ri ainda mais alto _ Você nunca vai esquecer isso?

Eu disse rindo ainda, Joe também rindo escondeu o rosto na curva do meu pescoço quando eu consegui parar de rir eu respirei fundo, tentando recuperar o meu folego.

_Demi?_ ele ergueu a cabeça pra me olhar e acariciou o meu rosto_ Eu nunca vou esquecer esse dia, foi o dia que você resolveu me dar uma chance mesmo, descobrindo que eu menti pra você. E o seu cheiro aquela a tarde era tudo o que eu precisava sentir... Não estava tão ruim eu juro.

_Own_ eu disse dando um beijo no seu rosto_ Sabe, Jonas isso é no mínimo muito lindo..._ Eu o beijei de novo_ Ai meu Deus eu amo essa musica!

 Eu ainda estava com um fone e dei um pro Joe e sorri quando ele se sentou do meu lado e me abraçou sorrindo pra mim, eu abaixei a cabeça e senti a musica e o carinho do Joe no meu braço.

When I was younger I saw (Quando eu era mais jovem eu vi)
My daddy cry and curse at the Wind (meu pai chorar e xingar ao vento)
He broke his own heart and I watched (ele quebrou seu próprio coração e eu assisti)
As he tried to reassemble it (enquanto ele tentava remonta-lo)
And my momma swore that she would (E minha mãe jurou que ela)
Never let herself forget (jamais deixaria se esquecer)
And that was the day that I promised (e aquele foi o dia que eu prometi que)
I'd never sing of love if it does not exist (Nunca iria cantar nada sobre o amor se  ele não existe)

But, darling, you are the only exception (Mas, querido você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)

Maybe I know somewhere (Talvez, eu saiba em algum lugar)
Deep in my soul that love never lasts (No fundo da minha alma que o amor nunca dura)
And we've got to find other ways (E nós temos que encontrar outros jeitos)
To make it alone or keep a straight face (De fazermos sozinhos ou manter a cara séria)
And I've always lived like this (E eu sempre vivi assim)
Keeping a comfortable distance (Mantendo uma distância confortável)
And up until now I had sworn to myself that I'm content with loneliness (E até agora tinha jurado para mim mesma que estou feliz com a solidão)
Because none of it was ever worth the risk (Porque nada disso nunca valeu o risco)

Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)

I've got a tight grip on reality, but I can't (Tenho um forte controle sobre a realidade, mas não consigo)
Let go of what's in front of me here (Deixar o que está aqui diante de mim)
I know you're leaving in the morning when you wake up (Sei que você vai embora pela manhã quando você acordar)
Leave me with some kind of proof it's not a dream (Me deixe com alguma prova de que isso não foi um sonho)

You are the only exception (Bem, você é a única exceção)
You are the only exception (Bem, você é a única exceção)
You are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)

You are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)
You are the only exception (Bem, você é a única exceção)
Well, you are the only exception (Bem, você é a única exceção)

And I'm on my way to believing (E estou quase acreditando)
Oh, and I'm on my way to believing (Oh, e estou quase acreditando)

Eu abracei o Joe e o beijei, ele tirou o fone e o celular com cuidado e depois jogou em algum lugar voltando a me beijar e me puxando pra ele eu sorri por entre o beijo e olhei pra ele passando a mão em seu rosto.


_Sabe, você é a minha única exceção e por sua causa e estou quase acreditando... E talvez, haja mais coisas que valem a pena e você é uma dessas coisas por isso você é minha única exceção!

_Eu sou sua única exceção? Você não faz ideia do quanto você é minha exceção eu te amo, e esse amor é a minha única exceção e esse amor é o que eu sinto por você... Eu amo você Demetria e é bom você saber que um dia nós vamos casar e você vai acreditar por que quando eu acordar eu não vou deixar você e eu serei a prova de que tudo isso_ ele me beijou acariciando o meu rosto_ é real.

Eu sorri olhando pra ele toda boba ele queria se casar comigo? Eu não pude deixar de imaginar como seria, então eu sorri praticamente pulando no pescoço e o beijando.

Depois que eu e Joe, fomos no parque de diversão eu fui arrumar as coisas com a Selena pra irmos pra casa da My, eu estava animada por vários motivos e um deles era uma coisa que eu sabia que ia dar certo.

_Selena, pega seus desenhos e aquele vestido que nós fizemos_ eu sorri  pra ela estava tão animada quanto eu, eu já havia falado com a Dani e ela adorou a ideia e estava dentro. Miley e Jenny eu tinha certeza que iriam topar_  Isso pode dar muito certo!

_Demi isso vai dar certo_ Selena me abraçou _ Nós somos incríveis, e ai não vai me contar qual é o nome da nossa boutique?

_Não _ eu sorri pra ela_ é surpresa, mas eu sei que você vai adorar!

_Ai eu odeio você!_ Selena reclamou quando descemos as escadas, eu estava rindo alto, quando chegamos na sala Joe me abraçou pela cintura sentei no braço do sofá ao seu lado_ Joe, briga com sua namorada ela não quer me contar o nome da nossa boutique!

_Demi você não contou pra Selena?_ Ele disse rindo ele já sabia e ficou super animado pela minha ideia e disse que vai me ajudar com que eu precisar e até me deu uma boa ideia_ Você é muito boa em ser má!_ Ele disse mordendo meu rosto.

_Que rosas lindas!_ Minha mãe disse entrando na sala_ Quem ganhou?

_A Demi!_ eu e Selena falamos juntas_ A sua filha tia tem um namorado perfeito, eu pedi pra ela trocar comigo, mas ela não quis!

_Que isso Selena? Que tanto você quer trocar de namorado comigo?_ Eu perguntei olhando pra ela_ Você e o Nick esqueceram como é conversar em vez de brigar?

_Parece que sim!_ ela fez uma carinha triste e deu de ombros_ É mais ou menos isso_ Nick chegou em casa bem na hora, Selena suspirou fundo e olhou no relógio se levantou me puxando_ Demi vamos que a Miley vai matar a gente se nos atrasarmos.

_Perae _ eu disse me inclinando e dando um selinho nele, quando me afastei Joe me puxou e me beijou de verdade eu ri_ Ai bebe!

_Cara, você vai me deixar dormindo sozinho essa noite pelo menos um beijo de verdade!

_Ai de você se não dormir sozinho essa noite_ ele me puxou me fazendo sentar em seu colo eu segurei seu rosto em minhas mãos e o beijei apaixonadamente e com vontade_ Satisfeito?

_Agora eu quero mais um_ eu ri e o beijei de novo.

_Dorme bem meu bebe e sonhe comigo... Quer que eu ligue pra você mais tarde?

_Não precisa pequena, eu quero que se divirta e curta a sua noite de garotas.

_Ai que bom, vamos Demi!_ Selena disse pegando nossa bolsas e indo pra porta sem olhar pro Nick, eu fiz uma careta pro Joe e lhe dei mais um selinho.

_Boa noite bebe, te amo!_ eu lhe dei outro selinho e Joe sussurrou um “eu também te amo, pequena” eu sorri e dei um beijo na minha mãe_ Também te amo muito mãe, e você também Madie linda!

_Bye Jerry... Só eu acho que a Selena quer te matar?_ Eu ri saindo de casa

_Selena o Nick ficou todo tristinho quando você saiu sem olhar pra ele!

_Ele achou que eu estava brincando quando eu pedi um tempo!

Eu ri _ Vocês vão acabar se casando... Antes da Dani e o Kevin se duvidar!



Dani, Miley, Selena, eu, Jenny estávamos sentadas no quarto da Miley.

_Margaritas baby! _ Miley disse com uma bandeja em mãos_ Demi eu sei que você gosta!

_E eu gosto, mas antes de bebermos _eu dei uma risada_ Eu preciso fazer uma proposta pra vocês meninas que eu amo!

_Eu não vou ser a madrinha do seu filho!_ Miley deu um grito fazendo todas nós rirmos_ é sério não to pronta pra isso Demi é muita responsabilidade!

_Cala a boca My e senta aqui_ eu bati no puff ao meu lado_ Não é nada disso! Eu tive uma ideia pra não morrermos pobres e falidas!

Selena riu alto_ Ok, prestem atenção por que isso muito me interessa!

_Legal, então fala_ Jenny disse curiosa, Dani já sabia de tudo então ela apenas pegou uma margarita e riu._ Ei por que a Dani pode?

_Por que eu sou especial! Ou por que eu já sei do que a Demi vai falar e to com ela, eu acho que essa garota vai deixar a gente rica e famosa!

_Oba, me interessei mais!_ Jenny disse sorrindo

_Bom,_ eu comecei_ Eu e Selena vamos fazer faculdade de moda e nossas criações são muito boas, não é Miley?

_Eu amei as minhas roupas do clipe de Party In The USA... Vocês são ótimas um monte de pessoas queriam aquelas roupas, vocês deviam ter criado uma linha de roupas ou algo do tipo.

_E é exatamente nisso que eu estava pensando e conversei com a Selena e Dani e eu queria fazer nossa própria linha de roupas e abrir uma boutique, mas não uma daquelas que só gente estupida e esnobe vai, queríamos misturar os estilos... E Miley você desenha roupas muito bem, e eu queria um pouco da sua ousadia.
A Jenny vai fazer faculdade de administração e poderia ajudar com os negócios junto com a Dani que já topou ser administradora do nosso negócio_ Eu sorri pra ela e ela segurou minhas mãos_ E a Miley além de fazer os desenhos pode ser nosso fotografa _ Eu sorri pra ela com carinha de cachorrinho que caiu da mudança_ Pelo menos no começo por que eu sei que você não vai gostar de fotografar modelos histéricas!

_Ta brincando? Eu aceito!_ Miley berrou_ Tanto com os desenhos como com as fotos!

_Ai Miley eu te amo!_ Eu abracei ela_ Estava com medo de você não aceitar! E então Jenny vai aceitar? Depois da faculdade topa trabalhar com nós?

_É claro que eu topo_ Eu abracei ela_ Vocês três poderiam desenhar o vestido da casamento da Dani!

_E quem disse que elas não vão?_ Dani disse mostrando um dos desenhos a elas _ Selena e Demi começaram, mas eu sei que a Srta. Cyrus pode ajuda-las... Ou então você pode desenhar as minhas lingeries de lua de mel Miley!

Todas começamos a rir e pegamos nossas margaritas e contei os detalhes da minha ideia, Selena riu descontrolada com uma piada obscena da Miley e tivemos mais uma rodada de margaritas e durante uma brincadeira da verdades
Miley fez uma pergunta pra mim.

_Ok, Demi quem foi o primeiro homem que tocou em você?

A minha cabeça girou no passado, eu era só uma menina em Dallas e aquele homem desgraçado me tocou de forma tão pessoal e acabou com a minha inocência, mas não completamente. Eu nunca falei pra ninguém, eu nunca contei pra ninguém além da Selena... Ele era pai de uma menina da mesma idade que eu, na época eu só queria fugir e hoje eu penso se ele já havia feito a mesma coisa com a própria filha. Me levantei, do chão sem responder a pergunta da Miley e fui até a cozinha, joguei o que sobrou da minha margarita na pia e senti a Selena me abraçar me virei pra ela abraçando ela mais forte que podia tentando não chorar.

_Ai Demi isso só vai passar quando você contar a verdade!_ Selena disse suspirando_ Achei que como as coisas andam com o Joe, você tinha se esquecido dessa parte horrível da sua vida!

_E eu esqueci Sel, Joe é tão carinhoso comigo e eu amo ele_ eu respirei mais fundo eu não queria chorar_ Como... Como soube que eu tinha me lembrado disso?

_Eu soube por que somos a mesmas e eu sou mais que a sua melhor amiga sou sua irmã... E eu amo você.

_Own Sel, eu também te amo!_ Eu sorri pra ela abraçando de novo vi a Miley com os braços cruzados querendo me matar, só não tinha certeza absoluta do por que_ Eu também te amo My!

_Você me deve explicações!_ ela se aproximou e eu inclui ela no abraço_ E não só pelo fato de ter saído correndo quando eu fiz uma pergunta, e também  por que ama só a Selena?

_Ai meu Deus eu também te amo Miley Cyrus, você é minha melhor amiga_ eu dei um beijo no seu rosto olhei pra Sel que sorria_ E o único homem que me tocou foi o Joseph Jonas!

_Então por que ficou daquele jeito?

_Por que o Joe foi o único homem que me tocou com amor, carinho e respeito... E ele não me obrigou a nada!

_O quer dizer Demi? _ Miley perguntou um pouco desesperada_ Você já foi...

_ Um dia eu te conto_ não a deixei terminar_ E agora que as Meninas Super Poderosas estão juntas... Eu vou revelar o nome do nosso futuro negocio.

_Aleluia!_ Selena exclamou

_Meninas Super Poderosas?_ Miley perguntou curiosa eu ri_ Ta, depois você me explica... Qual o nome?

_Who says you’re not perfect?_ A Selena sorriu e me abraçou forte_ Ai calma Sel!

_Por que Who says you’re not perfect?


_Por que minha irmã fez um poema lindo pra mim, e a mensagem que ela passa é incrível! E nós garotas temos uma mania de não nos acharmos bonitas e perfeitas não é verdade, e eu queria que quem comprar as nossas roupas saibam que são perfeitas e bonitas de qualquer jeito... E se não se importarem pode ser o nome da nossa primeira linha de roupas!

Ai estão dois capitulos de Love Storie.... Que esta chegando ao fim :( / :)    oK divirtam-se pequens crianças...Amo voces  e ah obrigada pelas minhas novas seguidoras que me adicionaram coisas lindinhas da tia Deb! Amo Voces!

Nobody's Home Últimos




_Que porra é essa Denise?_ Eu gritei pra ela sempre fui muito educada com ela, talvez meia sarcástica, mas a ocasião era outra que droga de porra era essa eu sou filha do Patrick? _Anda Denise me diz que porra é essa?

_Olha Demetria, modere suas palavras_Denise disse aparentando perder a compostura_ Eu acho que podemos manter certa postura....

_Certa postura? _ Eu comecei a rir_ Eu passei minha vida inteira achando que não tinha pai e nem mãe, mas na verdade eu tinha e praticamente vive com meu pai... Inferno certa postura?!

_Patrick não sabia de nada até ele descobrir uma carta quando você tinha doze anos, mas eu disse pra ele que tudo deveria ficar do jeito que estava a menos que ele quisesse que eu e Joseph fossemos embora e ele nunca mais nos veria.... Então ele cuidou de você de maneira afastada.

_Joseph! Ah meu Deus... Eu e Joseph... Nós somos irmãos! _ eu tive que me sentar, quantas vezes eu e Joe nos beijamos na vida? Quantas vezes eu deixei que ele passasse a mão em mim? Há quanto tempo estávamos apaixonados um pelo o outro? Joe já disse que me ama tantas vezes e de forma tão apaixonada, meu Deus! eu não estava bem era coisa demais na minha cabeça_ Como voce deixou que isso acontecesse? Você não pensou nele? Você não sabia que ele era apaixonado por mim? Céus ele é apaixonado por mim! E eu por ele, meu Deus você está me destruindo... E ao seu filho também!

_Acalme- se não é bem assim!_ Denise disse olhando pra janela.

_Ah é?! Então é como? Por que eu não estou entendo mais porra nenhuma dessa merda, você me deve explicações!

_Não se preocupe eu sei disso... O seu pai sempre foi apaixonado pela Dianna.

_Minha mãe?_ eu perguntei com meus olhos cheios de lágrimas.

_Sim... Mas eu o amava e doia vê-lo com ela e não comigo... Depois que a mãe dele fez tudo pra separá-los..._ eu revirei os olhos parece ironico que é a mesma coisa que ela fez comigo e Joe se eu tivesse feito a  escolha certa... Ela não teria nos "separado"... Foge disso Demetria ele é seu irmão... Esse pensamento doía tanto_Eu aproveitei minha chance e o enganei depois de termos consumado o ato.

_Consumado o ato? Esta falando de sexo?_ eu olhei pra ela que parecia ter ficado da cor de um tomate e eu ri_ Desculpe. Como assim o enganou?

_Eu disse que estava gravida!_ eu olhei pra ela indignada_ Eu sabia que ele iria me deixar por sua mãe Demi eu precisava fazer algo... Eu estava desesperada. Não sabíamos que Diana estava gravida ela se mudou assim que soube que iriamos nos casar 9 meses depois sabemos da noticia que ela havia morrido, mas bem, não sabíamos do que. E por ordem dela você veio pra o orfanato daqui. Quando você tinha 12 anos, mas precisamente em seu aniversário, recebemos uma carta que dizia que ela tinha uma filha Demi Lovato.

_Não desconfiaram pelo sobrenome?

-Não. O sobrenome de sua mãe era Devonne. Falei para Patrick que a escolha era dele. Eu e Joe ou você, deixei claro que ele não podia ter as duas coisas. Mas, ele sempre cuidou de você e te protegeu, isso você não pode negar.

_Tem razão não posso, assim como não posso negar que por sua causa não tive uma familia nem mesmo um pai.

_Eu amava Patrick, bem eu ainda o amo... Não podia correr o riso de perdê-lo.

_E ai você preferiu deixar todos enganados, inclusive seu filho! Você deixou que dois irmãos se apaixonassem, você é cruel!

_Eu sempre tentei afastá-los, mas nada adiantava cheguei a imaginar que Joe fazia isso pra me desafiar, mas não era bem assim, ele realmente era... é apaixonado por você.

_E você fala com essa calma?? Como pode ser tão fria?

_Demi Joseph não é filho do Patrick ele é adotado!

Ok, por isso eu não esperava, Eu gelei. Eu era verdadeira filha do Patrick e Joe... Era... Era adotado?! Que puta sacanagem é essa? Quando eu estava começando a entender eu percebo que não entendi nada.

_O que?_ eu falo ainda estarrecida

_Ele é adotado. Quando eu estava perto de ganhar o bebe que não existia eu viajei e adotei o menino mais lindo que eu já havia visto._ os dela brilharam ela podia não ser a mãe biológica do Joe, mas com certeza o amou desde a primeira vez que o viu, o amor mais lindo, forte e puro que existe o amor de mãe _ O pai dele  havia morrido em um acidente a mãe com depressão pós parto não aguentou e se... Matou. Eu o adotei quando ele mal tinha dois meses de vida. O começo da história de Joseph é tragica, mas eu cuidei para nunca mais ser assim.

_Como qualquer mulher que ama seu filho faria._ eu disse olhando pra ela Joseph foi tirado de um orfanato eu não esperava por essa, por isso ele estava tão estranho comigo hoje mais cedo, parecia estar perdido em pensamentos e me assustou, mas eu assumi que fora por causa da morte de Patrick.... ó céus ele devia estar tão confuso quanto eu, eu precisava sair daqui dessa droga de conversa e ir atrás de Joe e abraça-lo ele precisa de mim, e bem eu preciso dele_ Joe sabe disso, não sabe?

_Sabe. Contei tudo a ele ontem, no hospital mesmo.

_Você não pensou em esperar? Ele estava tão triste pela morte do pai  e você joga uma bomba dessas em cima dele? O que voce tem na cabeça? Ele deve estar arrasado e mesmo assim se fez forte, pra não me magoar, só pra que eu tivesse a minha hora de lidar com os problemas sem envolver os dele... Oh Joe!

_Você esta preocupada com ele?

_Aparentemente muito mais preocupada que voce!_ eu falei sem dar muita atençao a ela_ Por que nao esperou umas semanas pra contar todas essas... Coisas?

_Por que o testamento vai ser lido hoje, por pedido de Patrick ao advogado antes de morrer.

_E?

_Ele incluiu você ao testamento voce e Joe sao os donos de todo o dinheiro, mansão e propriedades que ele tinha. Os únicos donos.

_O que? _ Me sentei de novo. Eu dona de tudo isso? O que?_ E a senhora? Não ficou com nada? Como assim eu e Joe sermos os únicos donos? O que?

_Exatamente o que voce ouviu Lovato. E eu nunca precisei do dinheiro do Patrick, dessa forma voce me ofende. Eu errei, errei sim e muito, mas por amor nao por ambição ou ganância.

_Bom eu estou uma merda... Eu já ouvi o suficiente e isso tudo é demais pra mim eu preciso sair daqui.

_Voce estará na leitura o testamento?

_Voce já me disse e eu acredito em voce, então não, eu não estarei aqui... Se quiser grave um video e mande por e-mail.

Dito isso eu sai da sala e corri pro meu quarto e tranquei a porta me encostando nela, e deixei lágrimas cairem, então alguém abraçou as minhas pernas. Lizie. E eu abri os olhos e vi Joe com um sorriso discreto e uma boneca em mãos se levantando do chão. Ele estava brincando Lizie. Ele é tão fofo.Peguei Lizie no colo e abracei tão forte que quase quebrei a menina.

_Ai mamãe!

_Desculpe querida._ eu sorri pra ela.

_Por que voce ta chorando mamãe?

_Por que a mamãe é uma boba, sortuda e feliz... Por ter voce. _ eu disse a ela e beijei todo seu rosto Joe sorria, mas parecia tão distante e eu me lembrei que ele estava na mesma situação que eu e pior ele se manteve forte por mim, céus eu amo esse lindo desgraçado impulsivo! eu ri_ E por ter voce tambem Joe... Eu realmente tenho muita sorte em ter voce Jonas.

Com Lizie em meu colo eu fui até ele e fiquei na pontas dos pés e o beijei. Senti quando Lizie escondeu o rosto no meu pescoço rindo e dizendo que era nojento.
Joe me abraçou com cuidado por causa da Lizie, mas manteve as mãos firmes em minha cintura.

_Oh céus_ eu resmunguei segurando sua camisa_ Eu sinto muito por tudo o que voce esta passando, a maldita confusão em sua cabeça eu...

_Primeiro isso não é culpa sua, segundo voce esta na mesma situaçao que eu, e terceiro eu acho que posso sobreviver.

_Ai de voce se nao sobreviver... Eu te ressuscito só pra te matar... É serio, voces tem razao, todos tem razao... Eu preciso de voce e voce precisa de mim. Somos melhore quando estamos juntos... E eu tenho algo a confessar.

_O que? _Joe perguntou acariciando meu rosto.

_Eu amo voce, e nao poderia estar mais feliz por voce nao ser meu irmao de verdade_ Joe riu_ Eu sei que é triste saber disso, mas pense por outro lado_ eu dei de ombros_ Queride tape os ouvidos ok?_ eu esperei ela tapar os ouvidos e continuei_ Se fossemos irmãos eu não poderia realizar o desejo de fazer sexo com voce.

Joe me olhou serio e depois riu alto_ Voce esta falando serio?

_Oh com toda a certeza. Sonho com isso faz tempo.

_Quanto tempo?_ Joe perguntou serio, mas com olhos brincalhões_ Me diga Demi, me deixou curioso.

_Desde a adolescencia..._ confessei abaixando a cabeça, por vergonha do que disse e por me lembrar que eu o rejeitei_ Eu estava assustada, não queria perder voce e senti que se dissesse que te amava e que queria ficar com voce, voce me deixaria... Por que eu era tipo a sua irmãzinha chata que voce tinha que proteger ou o brinquedo nas mãos de uma criança, que depois de quebrar joga em um canto qualquer esquecido, eu não suportaria isso.

_E o que fez... Lizie querida? _ Joe tira as mãozinhas dela das orelhas e sorri meigo pra ela_ Voce pode brincar um pouquinho enquanto o papai conversa com a mamãe?

Eu ainda não me acostumei a ouvir aquilo papai, Lizie tinha um papai, e sinceramente o melhor de todos.

_Uhum... Papai você não vai mais embora, vai? _ ela disse indo pro colo dele_ Eu quero que o senhor fique comigo e com a mamãe... Voce ama a gente não ama?

_É claro que eu amo voces. E eu não vou mais embora, se eu for levo voces comigo, combinado?

Ela sorriu largamente e alegre e beijou o rosto do Joe_ Combinado, papai.
Joe a pôs no chão e ela foi brincar, Joe me pegou pela mão e me levou pra sentar na beirada da cama.

_O que a fez pensar daquela forma?_ Disse Joe retomando nossa conversa do ponto exato_Me diga eu fiz voce pensar assim?

_Não. Nunca.

_Então por que pensou assim?

_Por que tirando Selena era o que todos diziam... E bem, é muito conto de fadas, não acha?_ eu ri , mas ele não_ O garoto rico se apaixonando pela pobre ferrada... Cliche de princesas, e bem nada disso é real.

_Quem disse que não? Eu me apaixonei por voce Demi, acho que desde quando voce era pequena e vivia suja arranjando confusao por onde passava. Voce sempre foi tudo isso. Doce, gentil, atenciosa, meiga, engraçada, bonita, simpatica, educada, forte, independente, nunca levou desaforo pra casa, enfrentava qualquer um... E eu sempre gostei isso. Quando disse que estava apaixonado por voce disse com toda a certeza do mundo, não por capricho ou diversão... Eu disse por que te amava e acredite ainda te amo.

Eu sorri pra ele e revirei os olhos e o beijei, que beijo bom meu Deus!
Rimos quando ouvimos Lizie dizer que isso era nojento e Joe mordeu meu lábio antes de me dar um selinho.

_Joseph Adams Jonas... Quer se casar comigo?

Joe primeiro me olhou rindo e depois sorriu doce e desconfiado me pegou no colo_ Esta falando sério?

_Sim eu estou _ passei minha mão em seu rosto e lhe dei um selinho_ Eu amo voce e acho que esperamos tempo de mais pra ficarmos juntos, e quero ficar com voce pra sempre e sempre a partir de hoje se possivel.

_Eu já mencionei que te amo?_ Joe sorriu e me beijou_ Por que bem, eu amo voce.

_Eu tambem te amo. Voce não me respondeu, casa comigo?

_Se eu disser sim vamos ao cartório hoje mesmo e nos casamos? E depois nos casamos na igreja em Nova Iorque?

_Oh em Nova Iorque?

_Sim.

_Então é exatamente como disse, nos casamos no cartório aqui ainda hoje e nos casamos em igreja em Nova Iorque, então vai se casar comigo?

_O que eu ganho em troca?_ Joe disse colocando uma mecha do meu cabelo atras da orelha e beijando minha testa.

_Casa, comida, roupa lavada, uma filha linda, uma mulher excepcionalmente quase perfeita e é claro... Sexo. Sexo bom e regularmente. Gosto da ideia de fazer sexo com voce ela realmente me anima.

_Voce nao pode estar falando serio?_ Joe me olhou divertido.

_Nao eu falo serio em todos os quesitos, principalmente que a ideia de fazer sexo com voce me anima... Muito.

_Pare de falar assim_ ele beijou meu rosto e eu desconfiei que ele beijou meu rosto ao invés do meu pescoço por que Lizie estava ali_ Voce já viu a posiçao em que se encontra pra falar dessa maneira?

Eu ri alto e o beijei de novo_ Então?

_Sim eu caso com voce se me responder uma pergunta.

_Quantas quiser!

_Casa comigo?

Eu ri da ironia e o beijei_ Caso, sim eu caso com voce, Joseph Jona por que eu ao voce desesperadamente... Eu te amo.

Joe me beijou com carinho e cuidado de forma apaixonda que fez meu coraçao errar uma batida ou duas senhor!

_Ai por que fazem isso sempre?_ Lizie perguntou em cima do colchão atras do Joe_ é nojento!
Ela disse se pendurando no pescoço do Joe. Eu sai do colo do Joe me sentando ao seu lado com as pernas em seu colo, Joe pegou Lizie e a puxou pro nosso meio fazendo cócegas na coitada que ria alto, escandalosa que nem a mãe. Eu pensei rindo junto com ela a risada é do tipo que faz todo mundo rir tambem. Eu me deitei no colchão e Lizie veio pra cima de mim.

_Para papai... Não deixa mamãe_ ela riu ainda mais alto_ Faz aquele negócio na boca da mamãe e nã faz maisi cosquinhas mim papai.

Eu e Joe começamos a rir, Joe se deitou no colchão ao nosso lado rindo muito, meu Deus eu pensei, no que fora pra ser a pior semana das nossas vidas, acabou se tornando melhor do que eu esperava eu não podia deixar de notar isso. Joe chegou mais perto de nós e nos abraçou.

_Nossa filha é uma cópia em miniatura de voce Demetria!

_E eu não sei, meu amor._ Eu me inclinei sobre a cabeçinha da Lizie e beijei o Joe_ Hum... Meu amor. Faz tempo que eu queria dizer isso da maneira certa. E pra pessoa certa. Voce.

_Faz tempo que eu queria ouvir da pessoa certa... Voce minha pequena. Eu te amo tanto.

_Eu tambem te amo.

Nos beijamos de novo e Lizie começou a rir sozinha.

_é nojento, mas é engraçado._ ela riu alto daquele jeito gostoso e eu  e Joe a acompanhamos, menina linda.
Homem lindo. Um novo começo lindo, e eu nunca mais vou precisar me preocupar em não ter ninguem em casa... Em não ter ninguem por mim. Ainda rindo eu segurei a mão do Joe na minha entrelaçando nossos dedos e Joe os apertando me deu segurança de que meus pensamentos estavam na direção certa.



Bem amores eu sei que demorei e sei que voces estao me odiando por isso kkkkkkkk ou não, não sei, talvez.... Ah deixa pra lá. Mas ai esta o ultimo capitulo da MiniFic Nobody's Home e eu achei que ficou bem legal, modéstia a parte vou postar dois capitulos Love Storie por que ei to vom uma história nova na cabeça e  tenho que terminar essa pra continuar a outra, pra começar a que esta na minha cabeça kkkkkkkk que confusao.... Voces virao a propagando do We day com a Demi e Joe? Senhor não gosto muito do bigode do Joe, mas outa que pariu ele estava um puta homem Sexy no video.... Senhor me ilumina é serio que sexy que ele estava naquela porra de video.... Deus Sexy demais kkkkk vou parar de falar disso... Muitoooooooooooooooooooooooooooooooooooo SEXY!